Keystone logo
Universidad de Murcia Mestrado em Psicologia da Educação
Universidad de Murcia

Mestrado em Psicologia da Educação

Murcia, Espanha

1 Years

Espanhol

Tempo integral

Request application deadline

Request earliest startdate

EUR 2280 / per year *

No campus

* € 3671,32: estudantes internacionais. Os dados que aparecem nesta página não são oficiais, apenas indicativos. Para mais informações, entre em contato com o secretariado do centro correspondente.

Introdução

O Mestrado Universitário em Psicologia da Educação é composto por 90 ECTS. Inclui os dois perfis de treinamento a seguir:

  • Perfil profissional, com capacidade de planejar e realizar ações psicoeducacionais, com alto grau de especialização, em situações individuais, grupais e institucionais, bem como a capacidade de intervir nas pessoas ao longo do ciclo da vida.
  • Perfil acadêmico e de pesquisa, com preparação adequada para gerar conhecimento científico de qualidade, realizar e analisar criticamente pesquisas altamente especializadas e criar, analisar e disseminar informações e treinamento qualificado em psicologia educacional.

O objetivo do Mestrado é equipar os alunos com as competências, habilidades e ferramentas para a prática profissional e de investigação, ligadas ao campo da Psicologia da Educação. Esses objetivos são especificados na obtenção das seguintes competências:

  • Saber projetar, desenvolver e avaliar processos de pesquisa complexos que serão aplicados aos diferentes contextos psicoeducativos por meio de abordagens metodológicas inovadoras.
  • Aplicar os fundamentos teóricos e metodológicos adquiridos para construir, validar e usar técnicas e instrumentos avançados na pesquisa psicoeducacional, bem como a análise qualitativa e quantitativa das informações coletadas com esses instrumentos.
  • Empregar os modelos, princípios, competências e abordagens mais inovadores da Psicologia da Educação em contextos psicoeducacionais formais e não formais.
  • Aplicar os conhecimentos mais avançados para o atendimento de crianças, jovens e adultos com deficiência, pertencentes a grupos de risco biopsicossocial, membros de grupos de diversidade sociocultural, etc., em múltiplos contextos psicoeducacionais.
  • Projetar e aplicar as mais recentes técnicas e instrumentos de diagnóstico psicoeducativo para responder a ações psicoeducativas específicas, tais como: diagnóstico de necessidades, habilidades, fatores de exclusão, dificuldades de aprendizado, etc.
  • Coordenar o desenho, aplicação e avaliação das intervenções psicopedagógicas e de treinamento por meio das TICs de mais alto nível, além de outras mídias e redes de comunicação e informação (rádio, televisão, imprensa, Internet, etc.), selecionando a opção mais adequado para o processo virtual de ensino-aprendizagem.
  • Capacidade de realizar reflexões e análises em psicologia educacional, utilizando conhecimentos especializados, com precisão conceitual e rigor intelectual.
  • Habilidades pessoais e interpessoais para trabalhar em grupos especializados e competitivos de composição multidisciplinar.

Mestrado

Centro de ensino: Faculdade de Psicologia
Tipo de ensino: Presencial
Língua: Espanhol
Duração: 1,5 anos
Créditos ECTS: 60
Título: Mestrado Universitário em Psicologia da Educação
Bolsas, subsídios e mobilidade: Nacional / Internacional
Preço por crédito:
  • No 1º registo: 37,11 €
  • 2º registo: 60,32 €
  • No 3º registo: 69,59 €
  • Na quarta ou sucessiva: 69,59 €

Justificação

Desde o início da introdução da Psicologia como disciplina científica, a educação, entendida em seu sentido mais amplo de treinamento e desenvolvimento, está emergindo como um dos campos mais relevantes da especialização científica e profissional. Atualmente, a Psicologia da Educação possui um conjunto de conhecimentos teóricos, tecnológicos e aplicados claramente sistematizados e diferenciados de outros domínios e, nos níveis acadêmico e profissional, a pesquisa e a intervenção psicoeducacionais estão fortemente enraizadas na maioria dos estados europeus.

Por outro lado, as mudanças socioeconômicas, culturais e tecnológicas das últimas décadas e a velocidade com que ocorrem, favorecem o surgimento de novos cenários e contextos de educação e desenvolvimento, colocando novos desafios à pesquisa psicológica, por um lado, e expandindo a demanda social de psicólogos especializados nesse campo, por outro lado. O que força os profissionais a um esforço constante de atualização e treinamento.

A psicologia educacional aborda o comportamento humano em situações educacionais formais e não formais. Ele está interessado nos processos psicológicos que afetam o desenvolvimento e o aprendizado, tanto individuais quanto em grupo, e intervém neles para aprimorar as capacidades da pessoa ao longo do ciclo da vida e melhorar os processos institucionais e em grupo. Assim, a atividade do psicólogo educacional ocorrerá em contextos socioeducativos de qualquer modalidade e nível (sistemas regulados, não regulados, formais e informais), em coordenação, quando apropriado, com outros profissionais (pedagogos, professores, fisioterapeutas, terapeutas ocupacionais, etc.). )

competências

Competências Básicas

As competências básicas deste plano de estudo permitem e garantem que os alunos:

  • Conhecimento e compreensão que fornecem uma base ou uma oportunidade de originalidade no desenvolvimento e / ou a aplicação de ideias, muitas vezes em um contexto de pesquisa.
  • Que os alunos podem aplicar seus conhecimentos e sua capacidade de resolver problemas em ambientes novos ou desconhecidos dentro de contextos mais amplos (ou multidisciplinares) relacionados com a sua área de estudo.
  • Os alunos são capazes de integrar conhecimento e lidar com a complexidade, e formular juízos com base em informações de que era incompleta ou limitada, inclui reflexões sobre as responsabilidades sociais e éticas relacionadas com a aplicação de seus conhecimentos e julgamentos.
  • Que os alunos saibam como comunicar suas conclusões e o conhecimento e as razões últimas que os apóiam para públicos especializados e não especializados de maneira clara e inequívoca.
  • Que os alunos tenham as habilidades de aprendizado que lhes permitem continuar estudando de uma maneira que seja em grande parte autodirigida ou autônoma.

competências gerais

  • Projetar, desenvolver e avaliar processos de pesquisa complexos que serão aplicados a diferentes contextos psicoeducativos usando abordagens metodológicas inovadoras.
  • GM2. Aplicar os fundamentos teóricos e metodológicos adquiridos para construir, validar e usar técnicas e instrumentos avançados na pesquisa psicoeducacional, bem como a análise qualitativa e quantitativa das informações coletadas com esses instrumentos.
  • GM3. Use o conteúdo adquirido na avaliação para realizar avaliações reais de programas, contextos, processos, produtos, profissionais, instituições, sistemas educacionais etc.
  • GM4. Empregar os modelos, princípios, competências e abordagens mais inovadores da Psicologia da Educação em contextos psicoeducacionais formais e não formais.
  • GM5. Aplique os conhecimentos mais avançados para o atendimento de crianças, jovens e adultos com deficiência, pertencentes a grupos de risco biopsicossocial, membros de grupos de diversidade sociocultural, etc., em múltiplos contextos psicoeducacionais.
  • GM6. Selecione e gerencie efetivamente as diferentes fontes de informação e documentação, dependendo do problema a ser tratado.
  • Projetar e aplicar as mais recentes técnicas e instrumentos de diagnóstico psicoeducativo para responder a ações psicoeducativas específicas, tais como: diagnóstico de necessidades, habilidades, fatores de exclusão, dificuldades de aprendizado, etc.
  • Coordenar o desenho, aplicação e avaliação das intervenções psicoeducacionais e de treinamento por meio das TICs de mais alto nível, além de outros meios e redes de comunicação e informação (rádio, televisão, imprensa, Internet, etc.), selecionando os mais adequados para o processo virtual de ensino-aprendizagem.
  • Capacidades para gerenciar conhecimento e informações avançadas sobre pesquisa e intervenção psicoeducacional em diversos contextos e contextos educacionais.
  • Capacidade de realizar reflexões e análises em psicologia educacional, utilizando conhecimentos especializados, com precisão conceitual e rigor intelectual.
  • Habilidades pessoais e interpessoais para trabalhar em grupos especializados e competitivos de composição multidisciplinar.
  • Capacidades para o uso avançado de TICs no campo profissional.

habilidades específicas

  • Capacidade de avaliar processos psicológicos típicos e atípicos do desenvolvimento e aprendizado humano.
  • Capacidade de detectar, prevenir e intervir para promover o desenvolvimento e a aprendizagem de pessoas com deficiência e em risco de exclusão social.
  • Habilidades para detectar, prevenir e intervir para promover o desenvolvimento e o aprendizado de pessoas com habilidades elevadas, críticas e criativas.
  • Habilidades para detectar prevenir e intervir em distúrbios de comportamento emocional no ambiente escolar e familiar
  • Capacidades para avaliar e intervir em processos e práticas psicoeducacionais, para promover e melhorar o desenvolvimento psicológico abrangente, os procedimentos psicoeducacionais utilizados e o funcionamento de grupos e instituições educacionais.
  • Capacidade de coletar e transcrever, analisar, avaliar dados e gerar novos conhecimentos relacionados à interação e discurso utilizados em situações escolares e familiares para promover processos de aprendizagem.
  • Capacidade de detectar precocemente e avaliar dificuldades específicas na aquisição de habilidades instrumentais básicas em linguagem escrita e conhecimento lógico-matemático.
  • Capacidade de coletar dados, analisar, intervir e pesquisar / intervir em processos psicológicos relacionados ao aprendizado de matemática.
  • Habilidades para projetar e aplicar programas de intervenção psicoeducacional em face das dificuldades de aprendizagem da linguagem escrita e da matemática.
  • Capacidade de liderar e coordenar grupos em processos formais e não formais de ensino-aprendizagem
  • Habilidades para gerenciar e promover a coordenação com outros profissionais, departamentos e instituições.
  • Capacidades para responder às demandas de usuários, instituições e administrações relacionadas à preparação de relatórios, opiniões, relatórios, programas, etc.
  • Capacidade de se comportar tanto na atividade profissional quanto na de investigação, de acordo com o código deontológico do profissional de psicologia educacional
  • Capacidade de trabalhar em colaboração e interagir com outras pessoas da mesma ou de diferentes áreas profissionais em espaços de comunicação virtual.
  • Desenvolver habilidades de resolução de problemas e tomada de decisão usando as TIC, o que implica ser capaz de identificar, analisar e definir os elementos significativos que constituem um problema, suas causas e importância sob vários pontos de vista; procurar soluções alternativas e resolvê-las de maneira criteriosa e eficaz.
  • Conhecer, projetar, desenvolver, coordenar e avaliar estratégias e programas de educação e treinamento em situações de comunicação virtual.
  • Capacidade de gerenciar informações e conhecimentos em seu campo disciplinar, usando as mais recentes tecnologias de informação e comunicação.
  • Capacidade de prevenir, detectar precocemente e avaliar dificuldades sensoriomotoras específicas que afetam o desenvolvimento e a aquisição de habilidades instrumentais.
  • Capacidades para projetar e selecionar instrumentos adequados que permitam a coleta de informações qualitativas para alcançar objetivos e hipóteses de pesquisa
  • Capacidade de colocar problemas de pesquisa de acordo com a importância e notáveis para o contexto psicoeducacional.
  • Dominar e aplicar os aspectos teóricos e práticos do processo de pesquisa a partir das diferentes perspectivas metodológicas mais utilizadas no campo da psicopedagogia.

perfil de pós-graduação

O aluno de graduação é formado com treinamento e desenvolvimento, destacados em seus conhecimentos teóricos, tecnológicos e aplicados, claramente sistematizados e diferenciados. Seu perfil profissional permite planejar e realizar ações psicoeducacionais, com alto grau de especialização, em situações individuais, grupais e institucionais, bem como com a capacidade de intervir nas pessoas ao longo do ciclo da vida. Sua pesquisa e perfil acadêmico, com preparação adequada, permitem gerar conhecimento científico de qualidade, realizar e analisar criticamente pesquisas altamente especializadas e criar, analisar e disseminar informações e treinamento qualificado em Psicologia Educacional.

Sobre a escola

Perguntas